Vestidos

 
vestido de bebê

Mais que uma roupinha, uma peça para criar memórias

O vestido de bebê é uma das peças que toda mamãe quer ter no enxoval. É com ele que as primeiras memórias das nossas pequenas serão criadas. E os primeiros registros fotográficos também! 

Por ser uma peça charmosa e memorável, muitas mamães guardam os vestidinhos dos momentos mais especiais para darem às suas filhas quando elas forem adultas. Dessa forma, a memória passa de geração para geração

Por isso, esses vestidos de batizado, vestidos de consagração, vestidos de apresentação, são roupinhas que valem o investimento. Ao fazer a escolha do modelo, pense em um estilo clássico e atemporal, mas que combine com você e que gostaria de ver sua bebê usando. 

Lembre-se: vestidos, além de bonitos, são confortáveis e proporcionam liberdade de movimentos. Aqui na Xique Xique Brasil, buscamos sempre por tecidos de algodão que deixam a pele respirar, para diminuir a chance de assaduras e alergias. 

Além da beleza, o vestido de bebê também é versátil e pode ser usado em muitas ocasiões, pois, com alguns acessórios, você pode renovar o visual da pequena e manter o vestidinho em uso por mais tempo.  

Os diversos modelos de vestido

Existem lindas opções de vestidos para bebê, cada um tem seu charme. A escolha por um estilo depende muito do que fica melhor para aquela criança, visando principalmente o conforto.

Os acabamentos mais amados para os vestidos clássicos são:

  • vestido renda renascença: este é o estilo mais tradicional de todos. A renda renascença feita à mão traz muita elegância e é atemporal;
  • vestido casinha de abelha: um dos modelos mais amados pelas mamães. Este tipo de vestido é sinônimo de infância. É um modelo que traz muito conforto, diversas opções de cores e estampas e é perfeito para as mamães mais modernas que presam a versatilidade. Saiba mais sobre esse modelo aqui;
  • vestido de renda de algodão: um pouco diferente da renda renascença, a renda de algodão tem padrões mais modernos, é confeccionada em teares circulares e agrada tanto às mamães mais tradicionais como as mais arrojadas. O diferencial dessa renda é que ela super fininha, maleável e conferem um conforto incrível.

Confira aqui todos os modelos super charmosos de vestidos com renda e casinha de abelha, para crianças de três meses até dois anos.

Quando usar o vestido de bebê

Vestidinhos de bebê se encaixam bem em diversas ocasiões:

  • batizados: os vestidos de batizado são uma escolha excelente para vestir a sua bebê. Podem ser desde os mais clássicos, como os brancos rendados, até a fofura do vestido casinha de abelha;
  • aniversários: o mesmo vestido do batizado pode ser usado para aniversários e outras cerimônias em família. A dica para essas ocasiões é usar acessórios mais fortes como um laço de cabelo. A sua pequena ficará fofa e bem arrumada para a ocasião; 
  • casamentos: outro evento que pede um vestidinho mais charmoso são as bodas, sejam de amigos, sejam de parentes;
  • ocasiões especiais: além das que citamos, existem aquelas ocasiões que merecem a presença da pequena, como uma cerimônia de homenagem profissional dos pais. Com um vestido de bebê com renda e bordado ela estará linda para fazer parte desses momentos. 

Como trazer versatilidade para o vestido

Imagine que, no mesmo mês em que você batizou sua bebê, ela ainda foi convidada para uma festinha de um ano de um amiguinho e, além disso, está sendo muito aguardada no casamento da sua prima.

Comprar três roupinhas diferentes não é necessário nesse tipo de situação. Para poder usar o mesmo vestidinho mais de uma vez, basta investir nos acessórios certos.

Tiara de cabelo

Este é um dos acessórios mais básicos para mudar o visual. Existem tiaras com renda renascença, tiaras coloridas com tons mais vibrantes e até as tiaras bordadas. Uma idéia para ter um look sempre diferente usando sempre o mesmo vestido é variar nas tiaras e adereços de cabelo. Então, invista em uma pequena coleção planejada para a sua bebê usar por um bom tempo e garanta lindos looks.

Sapatinho

Outro item que faz muita diferença no visual da bebê é o sapatinho. Quem não fica encantada com aqueles sapatos fofinhos? Pois é! Como, muitas vezes, o pé cresce mais rápido que o resto do corpo, você pode comprar sapatinhos novos para cada ocasião e guardar aqueles mais especiais para lembrar de sua bebê quando ela já for adulta. Outra técnica para eternizar os sapatinhos é metalizá-los.

Laços

Uma forma de trazer ainda mais versatilidade! Os laços e enfeites de cabelo podem ser usados sozinhos, como presilhas, ou presos nas tiaras. Com isso, numa mesma ocasião, você pode ter mais de uma opção de visual para a bebê, uma para as fotos e outra para que ela brinque mais livre e despreocupada.

Meias

As meias são um complemento excelente para os sapatinhos. Existem as meias mais curtas, com babados e rendas, que são muito charmosas e funcionam melhor em ocasiões durante o dia e em épocas mais quentes do ano. Já as meias-calças são perfeitas para ocasiões mais formais, como casamentos e eventos noturnos, ou em climas mais frios do ano

Bolsinhas

Para quem gosta de usar acessórios, as bolsinhas podem ser uma ótima ideia para bebês mais velhos, a partir de 1 aninho. Este é um item que faz todo mundo soltar um suspiro quando vê. 

Calcinha

Esta é uma peça que não é para chamar atenção, mas que, quando aparece, é fofa! Principalmente as calcinhas bordadas e a calcinha com renda renascença. Você pode escolher um acessório no mesmo tom da roupa ou combinar criando um contraste.

Pagão

Para as bebês menores, o pagão é uma peça que serve como complemento e ainda traz a utilidade de proteger contra o frio. O pagão combinando com o vestido é uma graça. Para isso, escolha alguns detalhes para a golinha do pagão. Pode ser um bordado, uma aplicação da estampa do vestido ou mesmo o nome da bebê bordado. 

O charme do casinha de abelha

Além dos tradicionais e lindíssimos vestidos brancos de renda, existe um modelo de vestido de bebê que é a cara da infância: o casinha de abelha.

Esse vestido leva o nome devido ao ponto casinha de abelha ou ponto smock, um tipo de costura tradicional que surgiu na Inglaterra e caiu nas graças das mamães de todo o mundo depois que crianças da família real de Mônaco e da Inglaterra passaram a vestir peças com esse trabalho.

O casinha de abelha recebe esse nome por se assemelhar à estrutura de uma colmeia. É feito tradicionalmente de forma manual e, apesar de parecer muito simples, é uma técnica que requer paciência. O resultado é de muito charme e fofura para o vestidinho. 

O vestido casinha de abelha se consagrou como um ícone da inocência e pureza que as crianças transmitem e, além de tudo, é atemporal. 

Se quiser deixar sua bebê mais charmosa, fofa e, além de tudo super confortável, o vestido casinha de abelha é um modelo que tem ótimo custo-benefício e muitas opções de cores e estampas.